quinta-feira, 18 de setembro de 2014

[Resenha] O Filho de Netuno - Os Heróis do Olimpo #2



Boa noite genteeeeee! Tudo bem com vocês? Eu estou bemm rs

E como prometido estou aqui para postar a resenha do segundo volume da série Os Heróis do olimpo, do Rick Riordan.

~~~~~~~~~~~~~~

Nome: O Filho de Netuno
Autor: Rick Riordan
Páginas: 432
Editora: Intrínseca
Nota: 
Sinopse: A vida de Percy Jackson é assim mesmo: uma grande bagunça de deuses e monstros que, na maioria das vezes, acaba em problemas. Filho de Poseidon, o deus do mar, um belo dia Percy desperta sem memória e acaba em um acampamento de heróis que não reconhece. Agarrado à lembrança de uma garota, só tem uma certeza: os dias de jornadas e batalhas não terminaram. Percy e seus novos colegas semideuses vão enfrentar os misteriosos desígnios da Profecia dos Sete. Se falharem, as consequências, é claro, serão desastrosas. Com início no “outro” acampamento meio-sangue e se estendendo para além das terras dos deuses, esta sequência da série Os Heróis do Olimpo apresenta novos semideuses e criaturas incríveis, além de trazer de volta alguns monstros bastante conhecidos.

~~~~~~~~~~~~~~

Lembram que eu tinha dito que fiquei chateada com o primeiro livro, pelo fato de o Percy não ser o protagonista? Então, ele retornou a seu posto! E quem já leu O Herói Perdido, lembra que no final eles deduzem onde Percy pode estar? Começamos por aí. Então vamos lá!

Assim como Jason no primeiro livro, Percy aparece com sua memória raptada por Juno (Hera), mas ao contrário dele, Percy deu um de Bela Adormecida por 8 meses e quando acordou estava nos domínios da Loba Lupa que o treinou para sobreviver à jornada que ele faria a seguir até o acampamento Júpiter. Ok, começamos a história com Percy encontrando o caminho para o Acampamento (uma versão romana do Acampamento Meio-sangue), como já era de esperar, enfrentando alguns monstros - dá-lhe Percy Jackson e o seu imã - lá ele conhece Hazel e Frank, os campistas mais azarados do momento. E é com eles que Percy sai em sua jornada, para cumprir o objetivo dado por Hera - ou Juno, sei lá rs -.

Eu adorei os nossos protagonistas, claro já amava o Percy, mas a Hazel e o Frank me encantaram muitíssimo! Eles são dois adolescentes atrapalhados, desacreditados pelo acampamento, tachados de esquisitos. Pela descrição que o Rick deu do Frank, ele realmente (pelo menos eu imaginei) parece bem esquisito rs. Podemos notar um amadurecimento no Percy, os 8 meses de sono fizeram bem a ele. Mas não só ele, como os três foram postos a prova, muitas decisões difíceis a serem tomadas pelos nossos adolescentes. Agora eu tenho que falar da Ella, ela é uma harpia maravilhosa, que acredito eu, ainda tem muito o que fazer nessa saga, ela vai ser muito importante lá na frente.

Gostei muito do Acampamento Júpiter, mas achei tudo muito bruto, então ainda prefiro nosso bom e velho Acampamento Meio-Sangue, mas não descarto a possibilidade de ainda virem surpresas por aí. 
Como no primeiro, a narrativa é dividida entre os três protagonistas, o que reforço de novo, é muito importante, porque podemos conhecer melhor cada uma deles.

Livro recheado de lutas e aventuras que só tendem a aumentar! Mal posso esperar para começar o próximo A Marca de Atena! Então é isso galera, leiammm a série, está divina, e tenho certeza que só vai melhorar! Vem me contar o que você achou, ou o que você espera, corre, estou te esperando!

Série Os Heróis do Olimpo
O Herói Perido
O Filho de Netuno
A Marca de Atena
A Casa de Hades
O Sangue do Olimpo


  2 comentários:

  1. Li só os dois primeiros mais me desanimei um pouco no caminho... De qualquer forma depois dessa resenha voltarei a ler, rsrsrs Será que todos ainda terão filmes? O.o

    ResponderExcluir
  2. Creio que simmm! Mas os outros três da série Percy Jackson são ótimos Samuu! E essa continuação, está só melhorando!

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar! Sua participação é muito importante para nós.

Navegue

Tecnologia do Blogger.

Receba as novidades

Seguidores

Translate

Google+

Releia

FanPage

Julliany está lendo:

VEP no Twitter