quinta-feira, 21 de agosto de 2014

[Resenha] O Teorema Katherine





Título: O Teorema Katherine
Autor: John  Green
Editora: Íntrìnseca
Páginas: 304
Nota: 4 estrelas
Sinopse: Após seu mais recente e traumático pé na bunda - o décimo nono de sua ainda jovem vida, todos perpetrados por namoradas de nome Katherine - Colin Singleton resolve cair na estrada. Dirigindo o Rabecão de Satã, com seu caderninho de anotações no bolso e o melhor amigo no carona, o ex-criança prodígio, viciado em anagramas e PhD em levar o fora, descobre sua verdadeira missão: elaborar e comprovar o Teorema Fundamental da Previsibilidade das Katherines, que tornará possível antever, através da linguagem universal da matemática, o desfecho de qualquer relacionamento antes mesmo que as duas pessoas se conheçam.

Uma descoberta que vai entrar para a história, vai vingar séculos de injusta vantagem entre Terminantes e Terminados e, enfim, elevará Colin Singleton diretamente ao distinto posto de gênio da humanidade. Também, é claro, vai ajudá-lo a reconquistar sua garota. Ou, pelo menos, é isso o que ele espera.

Minha opinião: Confesso que fique apreensiva para ler esse livro, devido o titulo O TEOREMA, digamos que a matemática e eu não sejamos muito amigas... Mas eu adoro os livros do John Green, já li quase todos, falta apenas um, então fui ler para que John Green me surpreendesse mais uma vez.

O começo do livro é bem chatinho, por isso demorei bastante pra ler, o livro não me conquistava, tinha algumas matemáticas, era muito nerd, umas gírias e apelidos estranhos, muitas notas de rodapé e eu achava Colin o personagem principal um porre e tudo mais, mas no começo do meio do livro, rsrsrs, eu comecei a gostar e ai foi rapidinho pra acabar a leitura.

Colin é um menino prodígio, que quer ser lembrado, quer ser um gênio, mas que considera que sua idade já é muito avançada pra se revelar um gênio e também prodígio e isso o preocupa mais do que deveria.

Ele já namorou 19 meninas de cujo nome Katherine e todas elas terminaram com ele, sua paixão é pelo nome, exatamente assim, Katherine e talvez nem tanto pelas donas do nome. Após a k-19 ( Katherine 19) terminar com Colin ele começa a sofrer muito, pois ela foi a única que realmente conquistou seu coração...

E é assim que aparece o melhor amigo de Colin, Hassan que vem salvar Colin da depressão e diz ter a solução para o gravíssimo problema de Colin... Ir viajar de carro, sem rumo, viver uma aventura.

Antes de prosseguir devo dizer que, Hassan é um gordinho, islamista, divertido, engraçado, preguiçoso, amigo fiel e meu personagem favorito da historia, eu amei ele.

Prosseguindo, os meninos caem na estrada e ao ver uma placa indicando o tumulo do arquiduque Ferdinando, Colin se interessa pelo lugar e após discutir com Hassan é pra lá que eles seguem.

Ao chegar ao lugar, eles entram em uma loja, onde eles conhecem Lindsey, que os leva para a visita, mas Colin se machuca e tem seu momento eureca, que é o que ele precisa para ser importante, e é ai que ele começa a desenvolver o tal do teorema Katherine.

Ao voltar da visita ao tumulo, eles encontram Hollis a mãe de Lindsey, que reconhece Colin de um programa que ele participou e jurava que ninguém assistia, a mulher convida Hassan e Colin para jantar, após o jantar os convida para ficar e oferece o emprego e é assim que os meninos iniciam sua aventura, em Gutshot no Tennessee.

Nessa cidadezinha do interior Colin desiste de pensar que a  K-19 vai sentir saudades e ir atrás dele, descobre que existe vida e outras coisas e pessoas além das Katherines. Nesse verão, Lindsey, Hassan e Colin vivem novas experiências, fantásticas e que serão fundamentais para o futuro de suas vidas.

Por fim, devo dizer que o livro é divertido e gostoso de ler, após o comecinho chatinho, eu gostei muito, minhas quatro estrelas são devido o começo ser chato, mas eu recomendo o livro.


Beijos a todos, Amanda Mathes

  6 comentários:

  1. Que livro liiindo *---*

    http://makeupbygii.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Giovanna, o livro é lindo mesmo, a capa é uma Fofura e o que é belo já começa por ai. Beijos

      Excluir
  2. Oi Amanda,
    diferente de você eu gostei do começo do livro, só achei que pecou no que diz respeito aos "19 namoros" e "19 Katherines" me senti enganado quando o Colin explicou pra Lindsay sobre isso...
    Você disse que ainda falta um livro do John Green para ler, se for Cidades de Papel já aviso que é horrível :p
    Grande abraço!!
    PS: Seguindo aqui... ou tentando, assim que minha internet permitir :p

    Leitor Antissocial

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Rudi, Eu realmente detestei o começo do livro e gostei a partir do meio, mas concordo que Colin resumiu muito as historias das 19 Katherines, o que pareceu que ele estava omitindo tudo. Eu já li cidades de papel e eu gostei bastante, rsrs. O que falta pra mim ler é Will e Will e espero que eu consiga ler logo. Beijos e boa sorte com a internet. Obrigada por seguir (:

      Excluir
  3. Teorema Katherine é o próximo livro do Green que eu vou ler, assim que terminar Cidades de Papel *-*
    Mas gostei do post pq estava receosa quanto ao livro, vários que leram disseram que não gostaram, mas agr eu q vou concluir ! ;*
    ~>http://escritos-de-uma-garota.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Julie, leia sim, é bem legal após o comecinho, prometo. Cidades de papel é ótimo também. Beijos

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar! Sua participação é muito importante para nós.

Navegue

Tecnologia do Blogger.

Receba as novidades

Seguidores

Translate

Google+

Releia

FanPage

Julliany está lendo:

VEP no Twitter